Sociedade Esportiva Palmeiras

Sociedade Esportiva PalmeirasA Sociedade Esportiva Palmeiras, simplesmente Palmeiras, é um clube poliesportivo brasileiro sediado em São Paulo que tem como modalidade esportiva principal o futebol.

As cores do clube, presentes no escudo e bandeira oficial, são o verde e branco; o vermelho, presente desde sua fundação, foi excluído durante a Segunda Guerra Mundial, por pressão do governo nacional, na mesma reunião que formalizou a mudança de nome de Palestra Itália para Palmeiras.

Seus títulos mais importantes conquistados no futebol foram a Taça Libertadores de 1999 e a Copa Rio de 1951, considerado na época como o primeiro Mundial de Clubes de futebol da história, embora não seja assim reconhecido pela FIFA, que em 15 de dezembro de 2007 divulgou comunicado oficial sobre o tema.

O Palmeiras é a equipe brasileira com o maior número de títulos nacionais conquistados. O alviverde possui dez conquistas deste porte, com destaque para os quatro títulos (1972, 1973, 1993 e 1994) do Campeonato Brasileiro, principal disputa do País desde 1971.

Além do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras já venceu a Copa do Brasil de 1998, a Taça Brasil (1960 e 1967), o Torneio Roberto Gomes Pedrosa (1967 e 1969) e a Copa dos Campeões de 2000.

Em 1965, era inaugurado o Estádio Magalhães Pinto, o "Mineirão". Para coroar os festejos da inauguração, organizou-se um amistoso entre a Seleção Brasileira e a do Uruguai e, pela primeira vez na história do futebol brasileiro, uma equipe de futebol, a Sociedade Esportiva Palmeiras, foi convidada para compor toda a delegação, do técnico ao massagista, do goleiro ao ponta-esquerda, incluindo os reservas.

Uma primazia única em reconhecimento à melhor equipe do País, que vencia a todos os adversários e convencia, encantava de tal maneira que recebeu da imprensa e do povo a alcunha de “Academia de Futebol”. A partida foi no dia 7 de setembro (data da independência brasileira), e o Palmeiras derrotou o Uruguai por 3 a 0.

Ao Vivo - Construção Arena Palestra Itália



História

A História da Sociedade Esportiva Palmeiras começa no dia 26 de agosto de 1914, quando o clube foi fundado por imigrantes italianos na cidade de São Paulo com o nome de Società Sportiva Palestra Italia.

Depois de colecionar nas décadas de 20 e 30 do Século XX uma série de títulos paulistas e conquistar uma quantidade relevante de torcedores, o clube foi obrigado a mudar seu nome para Sociedade Esportiva Palmeiras em 1942, por ocasião da Segunda Guerra Mundial, já que o Brasil, governado pelo então presidente Getúlio Vargas, declarou guerra aos países do "Eixo" (Alemanha, Itália e Japão) e se alinhou aos países "Aliados", (EUA, URSS, Grã-Bretanha, França, e outros países).

Na sua primeira partida com o novo nome, sagrou-se campeão paulista com uma vitória sobre o São Paulo FC no Estádio do Pacaembu. Nas décadas seguintes, ampliou seu acervo de títulos e se consolidou com uma das equipes mais importantes do Brasil.

Nos "anos de ouro" do futebol brasileiro, quando o País conquistou seus três primeiros títulos mundiais de futebol e encantou o planeta, o Palmeiras era um dois poucos times que conseguiam ser páreo para o Santos de Pelé, considerado um dos maiores times do mundo em todos os tempos. Na ocasião, por conta da técnica apurada e pelo toque de bola refinado de seus jogadores, o Palmeiras foi comparado a uma "Academia de Futebol".

Coincidentemente, após o maior ícone da Academia, o meia Ademir da Guia, encerrar a carreira em 1977, o Palmeiras ficou durante um longo período sem conquistar títulos. Conhecido como "Divino" por conta da grande classe no trato da bola e pela eficiência, Ademir da Guia é considerado o maior jogador da história do alviverde, com a impressionante marca de 901 jogos disputados, 153 gols marcados e dezenas de títulos conquistados, entre campeonatos oficiais e torneios amistosos nacionais e internacionais.

O jejum de títulos entre 1976 e 1993 foi o mais longo da história do clube e exigiu paciência da torcida, que viu seus maiores rivais dominarem as conquistas da década de 80.

O martírio alviverde foi sepultado depois que a diretoria idealizou uma inédita parceria para a gestão do futebol com a empresa multinacional de origem italiana Parmalat. Tal acordo, possibilitou a contratação de grandes jogadores e técnicos competentes, que recolocaram o Palmeiras na trilha das conquistas e levaram a equipe para o topo da América, com o título da Libertadores de 1999.

Depois do novo período de alegria, a torcida alviverde conviveu com a enorme tristeza do rebaixamento no Campeonato Brasileiro de 2002. Numa demonstração de paixão e fidelidade, apoiou o Palmeiras na conquista da Série B de 2003.

A primeira década do Século XXI tem sido um período de reestruturação política e administrativa para o clube, que voltou a levantar um título de primeira divisão somente em 2008, quando conquistou o Campeonato Paulista.

Mascotes

Seu mascote oficial é um Periquito Verde, mas nos últimos anos a torcida adotou o porco como o mais efetivo.

O "porco" surgiu na verdade como gozação das torcidas adversárias e diz a lenda que foi quando jogaram um porco dentro de campo num jogo do Palmeiras. Apesar disso, a torcida alviverde não encarou a gozação como pejorativa e hoje grita entusiasmada nos jogos: "Olê, Porco! Olê, Porco!"

De acordo com o site oficial, o periquito foi escolhido desde a fundação do time por causa da comum coloração verde e também por esse passarinho existir em abundância onde o clube está localizado.

Além de ser um pássaro de origem brasileira; uma curiosidade: o periquito, apesar de alguns confundirem, nada tem a ver com o personagem da Disney Zé Carioca. Aliás, o palmeirense é bem mais antigo e foi desenhado em São Paulo.

Hino

O Hino da Sociedade Esportiva Palmeiras foi composto em 1949 pelo dr. Antonio Sergi, maestro, regente, arranjador e professor do consultório dramático e musical de São Paulo, diretor artístico da rádio Cruzeiro do Sul e maestro da Orquestra Colúmbia.

Nascido na Itália em 10 de Junho de 1913, Antonio Sergi naturalizou-se brasileiro, e além de músico, era médico cardiologista formado pela Escola Paulista de Medicina.

Como sua paixão era a orquestração e a música erudita, nas poucas vezes em que elaborou as letras para as próprias composições, usou o pseudônimo de Gennaro Rodrigues.

O clube

Associados

Atualmente, o Palmeiras é um dos clubes com maior número de sócios do Brasil, tendo em seu quadro de associados um número estimado de 15.000 sócios. O Palmeiras, além disso, criou dezembro de 2006 um projeto de sócio-torcedor,

o "Onda Verde". Contudo, este projeto, ao contrário do que ocorre com outros clubes, não dá o direito ao usuário de frequentar o clube e sua sede social, ou seja, não se é sócio do clube. É como se fosse sócio do time. Mesmo assim o projeto ganhou, em pouco mais de um mês, mais de quatro mil adeptos.

Bens e acomodações

Estádio

O estádio Palestra Itália, com capacidade para 32 mil pessoas, foi inaugurado em 1902 e adquirido pelo Palmeiras, então Palestra Itália, em 1920,e é apelidado como Parque Antárctica.

Centros de treinamento

Centro de Treinamento 1: Academia de Futebol do Palmeiras 1 - Rua Marquês de São Vicente, 2650 A, Barra Funda, São Paulo-SP; Três campos oficiais de futebol, arquibancadas, vestiários, secretaria, três alojamentos, ginásio coberto com duas quadras poliesportivas, estacionamento exclusivo, ampla sala de imprensa de dois andares, departamento de fisioterapia.

• Centro de treinamento 2: Academia de Futebol do Palmeiras 2 -Parque Ecológico do Tietê, Guarulhos, Grande São Paulo. Cinco campos de futebol com sistema de irrigação e drenagem, vestiários, uma secretaria geral, uma lanchonete.

Sedes

• Clube de campo: Estrada do Jaceguava s/n, bairro de Parelheiros, São Paulo. Com 138 mil metros quadrados, piscinas, dois campos de futebol, quatro quadras de tênis, duas quadras de bocha, salão de jogos, sala de TV, berçário, enfermaria, duas lanchonetes, um restaurante, uma área para churrasco com 52 quiosques, dois lagos, um playground completo.

• Sede social: Rua Turiaçu nº 1840, Água Branca, São Paulo; onde está localizado o Estádio Palestra Itália e toda a parte social do clube como piscinas, quadras, ginásio oficial do clube (que algumas vezes já recebeu apresentações musicais) e sua sala de troféus, além de outras coisas.



Títulos

Mundiais

  • Copa Rio (Internacional): 1951

Continentais

  • Copa Libertadores da América: 1999.
  • Copa Mercosul: 1998.

 

Nacionais

  • Campeonato Brasileiro: (1972, 1973, 1993 e 1994).
  • Campeonato Brasileiro - Série B: 2003.
  • Copa do Brasil: 1998.
  • Taça Brasil: (1960 e 1967).
  • Torneio Roberto Gomes Pedrosa: (1967 e 1969).
  • Copa dos Campeões: 2000.

 

Regionais

  • Torneio Rio-São Paulo: 5 vezes (1933, 1951, 1965, 1993 e 2000).
  • Copa dos Campeões Estaduais Rio-São Paulo: 3 vezes (1927, 1942 e 1947).

 

Estaduais

  • Campeonato Paulista: 22 vezes (1920, 1926, 1927, 1932, 1933, 1934, 1936, 1940, 1942, 1944, 1947, 1950, 1959, 1963, 1966, 1972, 1974, 1976, 1993, 1994, 1996 e 2008).
  • Campeonato Paulista Extra: 2 vezes (1926 e 1938)

Elenco

O elenco da Sociedade Esportiva Palmeiras, englobando seus atletas e treinadores, sempre contou, ao longo da história antiga e recente do clube com nomes de destaque no cenário do futebol brasileiro e mundial como os atletas Ademir da Guia, Djalma Santos, Rivaldo, Evair, Edmundo, ou os treinadores Oswaldo Brandão, Wanderley Luxemburgo, Luiz Felipe Scolari entre outros.

Curiosidades

• O Palmeiras é um dos dois únicos times brasileiros a ceder jogadores à Seleção Brasileira em todas as cinco Copas do Mundo vencidas pelo Brasil.

• O atual distintivo do clube foi criado em 1942, quando da mudança de nome de Palestra para Palmeiras. As oito estrelas do distintivo fazem referência ao mês de fundação do clube, agosto, e ao número de títulos paulistas conquistados pelo clube ainda como Palestra Itália.

• O Palmeiras é um dos times brasileiros com maior participação em Libertadores (junto com o São Paulo FC), com total de treze, até sua última participação em 2006, tendo chegado a quatro finais. Também é a equipe do Brasil que possui mais gols marcados.

• O maior rival da equipe dentro de campo é o Corinthians Paulista.

• O Palmeiras é o time que foi mais vezes campeão no Estádio do Pacaembu. Além de realizar a partida de inauguração do estádio, contra o Coritiba, em 1940, foi também a primeira equipe a levantar uma taça de campeão no local.

• O Palmeiras foi o único time a ganhar um Campeonato Paulista vencendo todos os jogos disputados, em 1932, com 11 vitórias em 11 jogos, 49 gols marcados e 8 sofridos.

• O Palmeiras foi a última equipe a conquistar o Campeonato Paulista de maneira invicta, na competição de 1972.

Torcida

O Palmeiras aparece empatado tecnicamente com o São Paulo com número aproximado de 15 milhões de torcedores em todo o Brasil, de acordo com o Instituto Datafolha.

Pesquisas apresentadas ao público desde o início da Década de 90 mostram que o Palmeiras e o São Paulo revezam-se entre a terceira e quarta posições, e ficam empatados tecnicamente, conforme a margem de erro.

A Torcida Uniformizada do Palmeiras (TUP), fundada em 1970, é a agremiação organizada de torcedores palmeirenses mais antiga em atividade e a segunda maior em número de integrantes.

Perde somente em tamanho e representatividade para a Mancha Alviverde, popularmente conhecida como Mancha Verde e fundada inicialmente em 1983.

Outras torcidas organizadas do Palmeiras em atividade são a Pork's Alviverde, fundada em 1991 e a Acadêmicos da Savóia, de 2003.

Ao longo da história, outras agremiações já extintas, como a Cana Verde, Falange Verde, Império Verde, Inferno Verde, Ira Verde e Máfia Verde, Estação Palmeiras.

Vídeo

Fonte: http://pt.wikipedia.org/




  Sobre o EncontraBarraFunda
Fale com EncontraBarraFunda
ANUNCIE: Com Destaque | Anuncie Grátis

siga o Encontra Barra Funda no Facebook siga o Encontra Barra Funda no Twitter Encontra Barra Funda no Google+


Termos EncontraBarraFunda | Privacidade EncontraBarraFunda